Trenas ideais para marcenaria

Utilizadas para medição, as trenas são essenciais na marcenaria, pois garantem que o produto final esteja de acordo com o solicitado pelo cliente. Em lojas especializadas, é possível encontrar uma variedade de medidores, feitos desde materiais simples, como o tecido, até mais elaborados, como o aço.

Para garantir que você adquira a melhor opção para seu projeto, selecionamos algumas dicas sobre os tipos de medidores.

Pequenos comprimentos

As fitas métricas com menores comprimentos são excelentes para marceneiros e outros profissionais cujos projetos necessitam de muita precisão, como móveis e pisos.

No entanto, se você não conta com outro profissional para lhe ajudar a medir, por exemplo, um guarda-roupa, opte pelas trenas mais largas. “Nas trenas mais finas, se você está sozinho para medir alguma coisa, não consegue porque ela tomba muito rápido”, explica o marceneiro Elias Leão.

Distâncias médias

O modelo mais comum são as trenas em fibra de vidro. Fornecendo maior flexibilidade, elas permitem a medição de terrenos acidentados com mais eficiência. Se você trabalha com projetos maiores, opte pelos modelos de 50 metros, que custam, em média, R$ 60.

Trena digital a laser

Outro equipamento utilizado para medir distâncias médias com extrema precisão é a trena a laser. O modelo da marca Bosch, por exemplo, permite medir áreas e volumes, além de somar e substrair os resultados. É também bastante prática e simples, bastando escolher o tipo de medição, mirar o laser e apertar o botão.

Quilômetros

Também indicada para profissionais que atuam em grandes projetos, como na construção civil, os medidores retráteis atingem até dez quilômetros. Para utilizá-los, basta colocar o equipamento sobre um ponto e “correr” a roda ao longo do comprimento desejado.

Trena para grandes distâncias

Quem tem disponibilidade para maiores investimentos pode optar pelos modelos digitais, com preço aproximado de R$ 160, que trazem visor LCD e função memória. As versões analógicas também são bastante eficientes, e possuem valor médio de R$ 100.

Folgas

Tanto trenas mais largas quanto as mais finas possuem as folgas, que são bastante úteis na marcenaria, conforme explica Leão. “Na marcenaria, quando você tem uma adalga de ferro, basta encostar e ela segura, facilitando a medição”.

O profissional ressalta que a folga também depende da existência de imãs. Trenas com imãs têm folgas maiores, enquanto naquelas sem as folgas são menores.

Mas de que forma isso influencia na medição? Conforme o marceneiro explica, se você medir internamente um objeto com uma trena com folga maior, poderá obter uma centimetragem errada, já que ela é capaz de aumentar até 1 cm o valor final.

Para conhecer mais dicas sobre tipos de trenas, acesse o vídeo a seguir, que conta com a presença do marceneiro Elias Leão. Confira aqui.

————————————————————————————————————–

A Arauco é referência em painéis em MDF de alta qualidade e resistência. A marca está presente em diversos países da América Latina. http://www.trupan.com/

4 Comentários

Comentários Facebook

4 Respostas para Trenas ideais para marcenaria

  1. Ainda não recebi o brinde da feira, confirmaram endereço e envio. Mas até agora nada. Ainda aguardo.

  2. Pingback: Conheça os vencedores do “Meu Projeto é Destaque”

  3. Pingback: Como montar o orçamento perfeito?

Deixe uma resposta para Ingeburg henze de Macedo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *